quarta-feira, 19 de maio de 2010

... um post diferente, pessoal!!!

19 de maio, para lembrar de Dona Dalva (tia), mãe de meu amigo Bráulio, mulher guerreira, mãe combatente, serva perseverante e surpreendentemente, a invisível superação do insuperável de conseguir confortar os que achavam que poderiam fazer isso por ela.

Quero ser como ela foi, com meus amigos, meus filhos e minha esposa!
Quero ser como ela no ardor e nos joelhos!

Tomara que eu consiga!

O melhor de tudo: ela está muito bem! Descansa na presença do ARQUITETO do cosmos!!!

Aos ficantes, minha solidariedade, meu carinho e o que eu puder ser para servir!!!