quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Entre o passado e o futuro...

Dia 31 de Janeiro de 2012, meu pai faria 70 anos. Não faço drama de temas como esse, mas é inevitável, ao ouvir Phill Collins em Father To Son, não lembrar da minha infância (dos momentos bons como dos momentos muito ruins) e lembrar dos ultimos anos de vida dele e do que acreditava que poderia ser se ele ainda estivesse conosco. 

E hoje, tenho um projeto de vida para ir desenhando para e com o Guilherme. Guarda-me ó Deus para ver tudo isso acontecer!




Ou numa versão traduzida: FATHER TO SON TRADUZIDA